Rua Pedroso Alvarenga, 584 – Itaim Bibi, São Paulo, SP  |  (11) 99717-7493

Bioimpedância: descubra os benefícios dessa avaliação

por 19 jul, 2023

A bioimpedância é um tipo de avaliação corporal que mostra índices de massa muscular, gordura, densidade óssea e outros componentes importantes.

Com esse número é possível prevenir doenças, montar dietas específicas e treinar ideias para atingir o objetivo.

Neste artigo, explico exatamente como funciona o procedimento, as vantagens e as diferenças de outros tipos de medições. Confira!

O que é a bioimpedância e por que é importante?

A bioimpedância é um procedimento que avalia a composição corporal, fornecendo informações sobre a quantidade de água, massa muscular, gordura visceral, densidade óssea e taxa de metabolismo basal.

Esse exame é muito usado em academias e como complemento em consultas nutricionais. Esses índices permitem a adaptação da dieta, do treino, bem como o acompanhamento dos resultados na musculação.

A bioimpedância é realizada por meio de balanças especiais, como Tanita ou Omron, que possuem placas de metal capazes de conduzir uma corrente elétrica leve através de todo o corpo.

Exame de bioimpedância: entendendo como funciona

O teste é medido através da passagem de uma corrente elétrica pelas placas de metal que fazem com que os dispositivos de bioimpedância sejam capazes de revelar a porcentagem de gordura, músculos, ossos e água no corpo.

Antes de realizar o procedimento é necessário que o paciente fique 4 horas de jejum, ficando sem ingerir comida e líquidos. Além disso, não é recomendado o consumo de cafeína por pelo menos dois dias antes do exame. 

O exame é feito da seguinte maneira:

  • Você irá subir descalço em uma balança de metal (a qual mede a parte inferior do corpo); 
  • E também segurar uma placa de metal à frente do corpo (que mede as partes superiores. 

Para conseguir maior precisão no resultado, a melhor forma é a combinação desses dois métodos. Ademais, fique atento às recomendações prévias, elas fazem a diferença no resultado. 

Sendo assim, a fluidez ou resistência pela qual a corrente passa por algumas partes do corpo permite que o dispositivo calcule os valores que indicam a quantidade de massa magra, gordura e água no corpo.

Por fim, é um procedimento indolor que garante assertividade na medição de porcentagem corporal e auxilia em procedimentos e tratamento de saúde física e complementa acompanhamento médico. 

Benefícios da avaliação por bioimpedância

O teste de bioimpedância revela as porcentagem de:

  • massa magra;
  • massa gorda;
  • gordura visceral;
  • nível de hidratação;
  • massa muscular;
  • densidade ótica;
  • taxa do metabolismo basal.

Por isso, o exame de bioimpedância desempenha um papel significativo na medicina preventiva e também na obtenção de resultados com a musculação.

Diferenças entre a bioimpedância e outras técnicas de avaliação corporal

A bioimpedância é uma técnica simples e precisa, mas existem outras formas de avaliar a composição corporal. Confira: 

  • Dobras cutâneas: essa técnica mede a espessura das camadas de gordura subcutânea em diferentes partes do corpo. Isso é feito usando um adipômetro. O procedimento não fornece dados sobre massa muscular e outros componentes corporais.
  • Densitometria corporal: essa é uma técnica avançada que mede a densidade corporal usando a absorciometria de raios-x de dupla energia (DXA). A DXA fornece estimativas precisas de gordura, massa muscular e densidade óssea. 
  • Absorciometria de raios-x de energia única (DXA): trata-se de técnica semelhante à DXA, mas que usa apenas raio-x. Ela é muito usada para avaliar a densidade mineral óssea, mas também pode fornecer dados sobre massa gorda e muscular.
  • Tomografia computadorizada (TC) e ressonância magnética (RM): essas técnicas de imagem avançadas podem distinguir entre diferentes tipos de tecidos, como gordura, músculo, órgãos e ossos. 

Em resumo, a bioimpedância é uma técnica de avaliação corporal prática, rápida e acessível. 

Como saber se posso fazer uma avaliação por bioimpedância?

Todos podem fazer o teste de bioimpedância exceto:

  • grávidas;
  • pessoas com marcapasso, pinos ou placas;
  • pessoas amputadas;
  • pessoas com instabilidade para se manter de pé;
  • durante o período menstrual;
  • pessoas com peso menor que 10 kg e maior que 180 kg;
  • pessoas com menos de 1 metro de altura.

Bioimpedância: com que frequência devo fazer a avaliação?

O exame pode ser feito sempre que necessário respeitando um intervalo mínimo de 30 dias. 

Além disso, se for uma recomendação médica ou nutricional, o paciente pode realizar o exame de forma independente, sem necessidade de consulta.

Avaliação por bioimpedância: perguntas frequentes

Veja abaixo as principais dúvidas sobre a bioimpedância. Confira as respostas para entender tudo sobre o tema.

A bioimpedância é segura?

Sim, a bioimpedância é considerada um método seguro. A corrente elétrica utilizada é muito fraca e não causa danos ou desconforto significativo.

No entanto, é importante observar que existem algumas restrições para gestantes e portadores de marcapasso, por exemplo.

A bioimpedância pode prevenir doenças?

Sim, pois ao avaliar o percentual de gordura corporal e o volume de massa muscular é possível a correção antes que o desequilíbrio se torne uma doença.

Qual médico que faz avaliação por bioimpedância?

Tanto o nutricionista quanto o endocrinologista podem realizar a bioimpedância. O exame pode ser feito em avaliações na academia.

Posso confiar nos resultados da bioimpedância para monitorar meu peso?

Sim, a bioimpedância é considerada um método preciso para avaliação da composição corporal. No entanto, ele precisa ser feito nas condições corretas: equipamento em dia e preparação prévia do paciente.

Conclusão

A bioimpedância é uma técnica de avaliação corporal que fornece informações sobre a composição do corpo, incluindo índices de massa muscular, gordura e densidade óssea, entre outros componentes importantes.

Essa técnica se tornou uma ferramenta valiosa para profissionais da área da saúde, atletas e indivíduos preocupados com sua saúde e forma física, possibilitando abordagens mais direcionadas e personalizadas para alcançar resultados desejados.

Por fim, para tirar dúvidas sobre seu caso ou para fazer o teste de bioimpedância, fale com um especialista.

Sobre o autor

Dr. Filipe Fontes

Médico - Endocrinologia

  • Clínica médica
  • Endocrinologia e metabologia
  • Emagrecimento, obesidade, gordura localizada
  • Performance e ganho de massa
  • Melhora da libido e disposição
  • Terapias injetáveis
  • Reposição hormonal e qualidade do sono
  • Tireóide, diabetes e sarcopenia

Dr. Filipe Fontes

Médico - Endocrinologia

  • Clínica médica
  • Endocrinologia e metabologia
  • Emagrecimento, obesidade, gordura localizada
  • Performance e ganho de massa
  • Melhora da libido e disposição
  • Terapias injetáveis
  • Reposição hormonal e qualidade do sono
  • Tireóide, diabetes e sarcopenia

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *