Rua Pedroso Alvarenga, 584 – Itaim Bibi, São Paulo, SP

Médico endocrinologista em São Paulo: como escolher o melhor?

por 18 jul, 2023

Escolher o melhor médico endocrinologista em São Paulo não é uma tarefa simples para quem começa do zero, mas com este guia você não terá nenhuma dificuldade.

Neste artigo, ensino a consultar o CRM do médico, digo quais atributos você precisa analisar antes de se consultar e como acessar a reputação do endócrino em SP. 

Confira como selecionar o profissional na infinidade de opções e esteja tranquilo com a escolha. 

O que faz um médico endocrinologista?

O endocrinologista é o médico que investiga e trata doenças de origem hormonal e metabólica que vão desde as mais comuns como diabetes, distúrbios de tireoide, obesidade e até as mais raras como Síndrome de Cushing.

Em suma, o endócrino é responsável pelo diagnóstico, tratamento e manejo de distúrbios hormonais e metabólicos, com foco em melhorar a saúde e o bem-estar do paciente.

Confira agora uma lista com exemplos de doenças tratadas pelo endócrino:

  • Hipotireoidismo;
  • Doença de Cushing
  • Acromegalia
  • Doença de Addison
  • Hipertireoidismo;
  • Diabetes;
  • Hipertensão;
  • Dislipidemia;
  • Hipoglicemia;
  • Síndrome do Ovário Policístico;
  • Tumores;
  • Osteoporose;
  • Obesidade;
  • Baixa estatura em crianças;
  • Distúrbios da puberdade e da função reprodutiva etc.

Entender quais são as funções do endócrino é essencial para saber quando procurá-lo. 

A seguir, você conhecerá melhor os campos de atuação desse profissional e, em seguida, acessará um guia completo para escolher um endocrinologista em São Paulo.

Quando eu devo procurar um médico endocrinologista em São Paulo?

De modo geral, você pode buscar um endocrinologista em SP para os seguintes fins: diagnóstico, prevenção e acompanhamento.

Antes de mais nada, você precisa ter em mente que desordens endócrinas geralmente apresentam sinais característicos e é necessário estar atento. 

Por exemplo, a síndrome dos ovários policísticos costumam causar acne, alterar o ciclo menstrual e, até mesmo, provocar infertilidade.

Esteja atento aos sintomas abaixo e entre em contato e com um endócrino em SP se houver 2 ou mais associados:

  • Fadiga crônica;
  • Sede constante;
  • Urina frequente, tanto diurna quanto noturna;
  • Excesso de pelos ou crescimento de pelos em áreas incomuns;
  • Sensação de calor intenso;
  • Visão turva;
  • Boca seca;
  • Manchas na pele;
  • Queda de cabelo;
  • Ganho ou perda de peso abrupta;
  • Puberdade precoce ou tardia;
  • Problemas no crescimento;
  • Inchaço ou dores intensas durante o ciclo menstrual;
  • Ciclo menstrual irregular;
  • Distúrbios intestinais;

Outro excelente motivo para buscar um endocrinologista é a prevenção de doenças, sobretudo se na sua família tem casos dessas doenças. É melhor se prevenir com um check-up anual.

Quando tratados em estágios iniciais, os problemas de saúde têm menos chances de se complicar e causar danos graves.

Esse é o princípio da medicina preventiva, que se concentra no bem-estar geral ao invés de tratar doenças pontualmente. 

Além disso, o acompanhamento com endocrinologista é indicado para grupos de risco.

Um exemplo são mulheres acima dos 35 anos, elas podem contar com acompanhamento regular para questões como menopausa, climatério e função tireoidiana.

Os sintomas do climatério e menopausa são muito desconfortáveis e podem durar por anos. Nesse período, ocorrem muitas mudanças hormonais e, por isso, as mulheres precisam estar atentas à reposição e controle.

Por fim, vale mencionar que o acompanhamento é interessante mesmo em casos de não haver sintomas. 

Dessa forma, é possível agir desde os primeiros sinais de alteração e garantir a qualidade de vida, saúde e tranquilidade.

Como escolher o melhor médico endocrinologista em São Paulo?

Encontrar um endocrinologista em São Paulo não é difícil, mas você sabe como fazer da forma correta? 

Abaixo você confere o passo a passo para não cometer nenhum erro com a sua saúde.

Pesquise se o CRM do médico está ativo

O Conselho Regional de Medicina (CRM) é responsável por regulamentar e fiscalizar o exercício da medicina em suas diversas áreas e cada estado possui o seu próprio órgão.

O registro do médico no CRM garante que ele esteja devidamente habilitado para exercer a medicina, que possua formação acadêmica adequada e esteja em conformidade com as normas éticas e profissionais.

Fazer essa consulta permite descobrir eventuais restrições ou penalidades registradas contra o médico, como processos ético-profissionais em andamento ou suspensões temporárias de exercício profissional.

Pesquise as qualificações e formação do profissional

Para obter o Título de Especialista em Endocrinologia e Metabologia, o profissional deve, primeiramente, passar por um exame que só acontece uma vez por ano e possui duas etapas: uma teórica e a outra prática.

No entanto, o certificado não é suficiente para anunciar-se como especialista. Antes o médico precisa se registrar no CRM do estado em que atua para então obter o Registro de Qualificação de Especialidade (RQE).

Para saber se ele possui o Registro de Qualificação de Especialidade, basta acessar o site do CFM .

Fique atento: a Resolução 1974/2011 do Conselho Federal de Medicina (CFM) e o artigo 114 do Código de Ética Médica (2019) proíbem a publicidade de um especialista sem esse registro.

Além disso, conforme estabelecido no artigo 1º, inciso III, do Decreto-Lei 4.113/42, um médico pode anunciar, no máximo, duas especialidades.

Se você se deparar com profissionais que divulgam especialidades em Endocrinologia e Metabologia sem possuir o RQE, você pode denunciar através do e-mail cdap@endocrino.org.br.

Analise a experiência e expertise

Além da formação, a experiência é um ponto muito importante na hora de escolher o médico que vai tratar da sua saúde.

Não obstante, estar atento à expertise, ou especialidade, do profissional é essencial para escolher conforme a sua demanda.

Essas habilidades podem ser percebidas mesmo em tempo de estudo, já que a medicina une a teoria à prática.

Médicos novos naturalmente têm menos tempo de carreira, mas esse não pode ser o único critério. Afinal, você tem uma lista com outros quesitos para selecionar o profissional.

Dentro da endocrinologia assim como ocorre com todas as áreas  é normal que um médico se destaque por uma expertise. Leve essa reputação em consideração também.

Peça indicações e referências

As indicações são uma ótima forma de encontrar um profissional e, ao mesmo tempo, receber um feedback de um paciente.

Muitos dos distúrbios citados são genéricos e, por isso, comuns na família. Peça indicação de parentes ou, até mesmo, de amigos.

Outra forma muito eficaz de encontrar referências de endocrinologista é pela internet. Ao fazer uma busca pelo termo você vai se deparar com sites, perfis nas redes sociais e blogs informativos, como este que você está lendo agora.

Essa é uma forma rápida e segura de conhecer o profissional, analisar seus conhecimentos através dos conteúdos, acessar CRM e, até mesmo, depoimentos e comentários de pacientes.

Pesquise o histórico do médico

O Reclame Aqui é um site que pode te ajudar a encontrar o histórico do médico. As estrelinhas e avaliações no Google é outra forma de acessar a reputação e notas publicadas pelos pacientes.

As redes sociais podem ser aliadas e, para concluir, use também a consulta ao CRM.

Outra forma de averiguar é através de plataformas online. Existem alguns portais que reúnem informações sobre médicos, como experiência, formação acadêmica, especialidades e avaliações de pacientes.

Ao pesquisar o nome do médico nessas plataformas, você pode obter informações relevantes sobre sua carreira e experiência.

O “Doctoralia” e o “Consulta Remédios” são ótimos exemplos para entender o funcionamento.

Pontos a considerar na primeira consulta

Após pesquisar o CRM, conhecer a expertise e simpatizar com o médico é hora de se consultar de fato.

No primeiro contato é essencial avaliar a abordagem e comunicação que o profissional usa ao entender o seu caso e solucionar as suas dúvidas. É  fundamental que você se sinta seguro e confortável, afinal, você precisará se tratar por um certo período.

Outro ponto que você deve se atentar desde o primeiro contato, é sobre a disponibilidade e acessibilidade do endócrino. 

Ele tem uma agenda muito lotada e o tempo de resposta é longo demais, fique atento, pois ele pode não te dar a devida assistência.

O último motivo para ficar alerta é sobre a gestão e organização do consultório. A falta de agilidade revela desorganização na gestão e um nível de desleixo.

Conclusão

A endocrinologia é uma especialidade médica que se dedica ao cuidado com os hormônios e as glândulas responsáveis pela produção hormonal, além, é claro, do metabolismo.

Ao escolher um médico endocrinologista, faça pesquisas e atente-se à experiência e especialidade do profissional.

Além disso, não hesite em procurar atendimento mesmo que seja apenas revisão de rotina. Você pode prevenir problemas futuros com a sua saúde.

Está com dúvidas, sintomas ou quer iniciar um acompanhamento preventivo com um endocrinologista? Fale agora mesmo com um profissional certificado e experiente. Entregue a sua saúde em ótimas mãos!

Sobre o autor

Dr. Filipe Fontes

Médico - Endocrinologia

  • Clínica médica
  • Endocrinologia e metabologia
  • Emagrecimento, obesidade, gordura localizada
  • Performance e ganho de massa
  • Melhora da libido e disposição
  • Terapias injetáveis
  • Reposição hormonal e qualidade do sono
  • Tireóide, diabetes e sarcopenia

Dr. Filipe Fontes

Médico - Endocrinologia

  • Clínica médica
  • Endocrinologia e metabologia
  • Emagrecimento, obesidade, gordura localizada
  • Performance e ganho de massa
  • Melhora da libido e disposição
  • Terapias injetáveis
  • Reposição hormonal e qualidade do sono
  • Tireóide, diabetes e sarcopenia

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *